Marketing e Centro Espírita

"Cada um de nós está sempre trocando alguma coisa".

O marketing tem muitas definições técnicas. Significa "comercialização", mas também realização. Engloba planejamento, produção e distribuição de produtos ou serviços Em sua essência, porém, há troca e satisfação de necessidades humanas. A troca difere de outros métodos de satisfação de necessidades, tais como, autoproduçao, força e doação. Na autoprodução, não há troca; na força, toma-se um produto sem oferta de pagamento (roubo, guerra e extorsão); na doação, confere-se utilidade sem a expectativa de pagamento.

A troca é uma atividade humana fundamental; representa 90% do progresso econômico das sociedades. Mas o que é que os indivíduos trocam? Trocam suas especializações. Quando um alfaiate vai ao mercado comprar manteiga, ele leva o dinheiro ganho no terno confeccionado. O ato de compra é a transferência do trabalho do vendedor, do transportador e do produtor para atender às suas necessidades.

Temos a falsa ideia de que um Centro Espírita não precisa de marketing. Parece que nada estamos trocando. Pergunta-se: como atender à necessidade espiritual do crente, se a comunidade não lhe oferece material para refletir? Como arrecadar fundos, com um almoço beneficente, se não o divulgamos a contento? Muitas vezes, pensamos em divulgar o evento sem onerar a Casa.  É possível que, gastando um pouco de dinheiro na sua divulgação, arrecadaríamos muito mais.

Marketing pressupõe especialização. Imagine uma comunidade qualquer. Um de seus membros pode observar as necessidades dos outros participantes e satisfaze-las pela confecção de um produto, pela prestação de um serviço ou pela divulgação de uma ideia.  Num Centro Espírita, que tipo de serviço falta para satisfazer a necessidade de nosso próximo? Eis uma aplicação da frase: "Quando o trabalhador estiver pronto, o serviço aparecerá".

Lembremo-nos de que a administração das atividades de marketing é essencial ao êxito de quase todas as organizações. Caso sejamos diretores de um Centro Espírita, reflitamos no modo como estamos divulgando os seus diversos eventos.

Sérgio Biagi Gregório

18/3/2010

 

Copyright © 2010: Centro Espírita Ismael
Av. Henri Janor, 141 São Paulo, Capital